>

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Sempre curei as feridas ao ar livre e com pouco cuidado, isto de ir fzer tratamento foi uma mariquice nova, mas admito que é diferente, uma ciência que desconhecia, e nunca tinha pensado que uma ferida para ser curada não precisava daquelas postelas enormes que caiem diversas vezes durante o processo de cura!! Estou fascinada!!

7 comentários:

  1. Respostas
    1. Green, pois é normal, só quando há chatice é que vamos ao médico!!

      Eliminar
  2. Então como é? Há muito que não caio e não faço feridas... Sou do tempo em que levava um maço de algodão em cima da ferida...Ainda bem que mudou...já posso cair...credo,cruzes,canhoto...
    As tuas melhoras e beijocas.
    Graça

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Graça, pois é já não se usa o algodão, agora limpa-se com gaze e depois mete-se um penso xpto, para que a ferida não ganhe células desvitalizadas, aquilo amarelo que não damos importância, mas que afinal até tem!!

      Eliminar